Ferro

From eViterbo
Revision as of 19:52, 15 August 2022 by Alice (talk | contribs) (Substituição de texto - "==Notas== <!-- As notas e a bibliografia que foi, de facto, usada para construir a informação. Atenção: Chicago Manual Style 17th edition (note), notas" ou seja ou sistema "shortened notes--> <references />" por "==Notas== <!-- As notas e a bibliografia que foi, de facto, usada para construir a informação. Atenção: Chicago Manual Style 17th edition (note), notas" ou seja ou sistema "shortened notes--> <references />")
(diff) ← Older revision | Latest revision (diff) | Newer revision → (diff)
Jump to navigation Jump to search

Metal duríssimo, composto de uma terra cuja suja misturada de umas partes sulfúrias impuras e sal, a que os químicos chamam fixo, também impuro, que compõem um misto indigesto, mal unido e muito sujeito à ferrugem. É o ferro tão útil para os instrumentos fabris de bater e cortar como pernicioso nas armas para a vida do homem. No fogo se abranda e obedece ao martelo e apagado na água se endurece. No Livro 16, cap. 20 diz Santo Isidoro '?Ferrum, quasi farra, id est, quod semina frugum terrae condat. Lucrécio Liv. 11, dá a entender que este vocábulo se deriva de ferum ou feritas, Hic validas saxi radices, et fera ferri corpora conduntur. O ferro em barra que debaixo do martelo se dobra e tem umas veias pequenas que correm direitas, é o melhor, pelo contrário se estas veias ou gretas são atravessadas é o ferro de mão uso com trabalho se forja e dificultosamente se funde. Há muitas castas de ferro; ferro rijo, acro, pedrês, brando, etc. Ferro rijo é o que tem mais força, com ele se fazem arados e outros instrumentos de lavoura. Ferro acro é o que se abre quando se trabalha e não se pode unir e só quando é quente se pode obrar com ele alguma coisa, porque batendo-o quando está frio sempre abre. Ferro pedrês é o que parece composto de pedrinhas luzidias ou fragmentos de vidro, quebra-se facilmente e serve só para balas, bombas, granadas, etc. Ferro brando é o que facilmente se dobra, lavra-se em serralharia e pregaria, serve para canos de espingarda e mosquetes e dele se fazem as ferraduras dos cavalos e todo o género de artilharia. Todo o ferro tem virtude corroborativa e por isso são mui salvíferas as águas das forjas. (...) Ferrum, i. Neut. Cic.[1].

Notas

  1. Bluteau, Vocabulario Portuguez e latino (Tomo IV: F), 88.

Bibliografia e Fontes

  • Bluteau, Rafael. Vocabulario portuguez e latino, aulico, anatomico, architectonico, bellico, botanico, brasilico, comico, critico, chimico, dogmatico, dialectico, dendrologico, ecclesiastico, etymologico, economico, florifero, forense, fructifero... autorizado com exemplos dos melhores escritores portugueses, e latinos... Tomo IV: Letra F-J. Coimbra: Collegio das Artes da Companhia de Jesu, 1713.