Aimé Thomé de Gamond

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Aimé Thomé de Gamond
Nome completo Aimé Thomé de Gamond
Outras Grafias M. A. Thomé de Gamond
Pai valor desconhecido
Mãe valor desconhecido
Cônjuge valor desconhecido
Filho(s) valor desconhecido
Irmão(s) valor desconhecido
Nascimento 1 janeiro 1807
Poitiers, Vienne, França
Morte 2 fevereiro 1876
Paris, Paris, França
Sexo Masculino
Religião valor desconhecido
Actividade
Actividade Autoria de texto
Data Início: 1870
Fim: 1870
Local de Actividade Paris, Paris, França

Actividade Projeto de Infraestrutura
Data Início: 1870
Fim: 1870
Local de Actividade Lisboa, Portugal


Biografia

Dados biográficos

Carreira

Aimé Thomé de Gamond era engenheiro civil, de origem francesa. Publicou uma obra em Paris dedicada ao Duque de Saldanha[1].

Outras informações

Obras

  • 1870 - Études de travaux publics. Mémoire sur le projet d'angandissement de la ville de Lisbonne comprenant l'établissement d'un grand port maritime; la création de quartiers nouveaux, et le chemin de fer de Collares. Ouvrage publié dans les trois langues française, portugaise et anglaise avec le plan général et particulier des travaux projetés par M. A. Thomé de Gamond ingénieur civil. Paris, Dunond, éditeur, successeur de Cariliasa-Goeury et Victor Dalmont. Libraire des Corps Impériaux des Ponts et chaussées et des mines.

Notas

  1. Viterbo, Diccionario Histórico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portugueses ou a serviço de Portugal, Vol III, 330

Fontes

Bibliografia

Viterbo, Francisco de Sousa. Diccionario Histórico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portugueses ou a serviço de Portugal. Vol III. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1922.

Ligações Externas

Aimé Thomé de Gamond In Wikipédia.

Autor(es) do artigo

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

Citar este artigo