António de Moura

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Antonio de Moura
Outras Grafias EQUAL
Sexo masculino
Religião cristão-novo

Biografia

Dados biográficos

Morador em Coimbra, cristão-novo, casado com Margarida de Lemos, filha de João Albernás que fazia cartas de marear. Estiveram juntos sete anos, e depois António de Moura ausentara-se para Coimbra, havia sete anos em 1618. Aparece mencionado num depoimento feito contra Margarida de Lemos à Inquisição de Lisboa, a 13 de outubro de 1618.

Carreira

Pintor[1].

Outras informações

Obras

Referências bibliográficas

  1. Viterbo, Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal (3ª série), 118.

Bibliografia e Fontes

  • Viterbo, Francisco de Sousa. Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1911 (3ª série).

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

DOI

Citar este artigo