Atalaia

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search

Deriva-se do hebraico Talal que vale o mesmo que levantar a modo de combro ou é palavra arábica de Talayaa que quer dizer escuta ou sentinela, que está na torre para dar aviso. No seu Dicionário Oriental, pag. 570 quer Herbelat que atalaia se deriva de Thalaa que no arábico vale o mesmo que guarte e o que nas torres costumam dizer as atalaias aos que se chegam a elas. Vid. Sentinela. Atalaias se chamam em África os soldados que trazem as vigias de noite. Também chamamos atalaia a um pequeno reduto em alguma emninencia para descobrir algum movimento do inimigo donde se fazem sinais com certo número de fachas, conforme o grosso dos inimigos e se é de dia se faz o sinal com fumos e o soldado se chama vigia.

Atalaia. Embarcação da Índia. Depois que o vice-rei partiu de Dabul sempre andaram meia dúzia de atalaias que são barcos de remo, em atalaia dele contando-lhe os passos e voltas que dava. Barros, Dec. 2, fol. 65, col. 3[1].

Notas

  1. Bluteau, Vocabulario Portuguez e latino (Tomo I: Letra A), 624.

Bibliografia e Fontes

  • Bluteau, Rafael. Vocabulario portuguez e latino, aulico, anatomico, architectonico, bellico, botanico, brasilico, comico, critico, chimico, dogmatico, dialectico, dendrologico, ecclesiastico, etymologico, economico, florifero, forense, fructifero... autorizado com exemplos dos melhores escritores portugueses, e latinos... Tomo I: Letra A. Coimbra: Collegio das Artes da Companhia de Jesu, 1712.