Crucifixo Renascentista (Jerónimos)

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search
Crucifixo
Data século XVI
Género Ourivesaria
Técnica Prata dourada repuxada
Altura 91 cm 
Encomendador D. Catarina de Áustria ?

Historial

Crucifixo que pertencia ao Mosteiro de Santa Maria de Belém (Jerónimos), ao qual, segundo a tradição, fora doado por D. Catarina de Áustria, mulher do rei D. João III.

Aquando da extinção das ordens religiosas, foi recolhido à Casa da Moeda, de onde passou para o museu da Academia de Belas Artes. Figurou na Exposição Retrospectiva de Arte Ornamental Portuguesa e Espanhola de 1882[1].

Descrição

Cruz de altar em prata dourada, assenta sobre uma peanha em forma de cofre rectangular, sustentada por quatro cabeças de touro em cada ângulo.

A base está dividida em três partes. Na parte inferior, na primeira face, narra-se a lenda de Frixo e Hele, figuras relacionadas com a lenda de Jasão e os Argonautas, na face traseira estão representados o Dilúvio e a arca de Noé e, nas faces laterais, os raptos de Europa e de Dejanira. Em cada ângulo encontram-se os símbolos dos Evangelistas.

No corpo central, o maior, representam-se cenas da Paixão de Cristo: Cristo subindo ao Calvário, Cristo no Horto, a prisão de Cristo e o Ecce Homo. Em cada ângulo encontram-se figuras híbridas de mulheres com pernas de ave.

No topo da base estão representados a Ressurreição, Cristo e São Tomé e um episódio que Viterbo julga ser Cristo junto do lago de Tiberíades.

Os braços da cruz, onde se encontra uma figura de Cristo, suspensa, são decorados com florões tipicamente renascentistas, tendo no centro um medalhão com a coroa de espinhos.

Viterbo diz que existem algumas obras semelhantes a esta, na Terrugem, Igreja Nova, Nossa Senhora do Cabo, Carnaxide (1528) e Belas (1549)[2].

Notas

  1. Francisco de Sousa Viterbo, Exposição d’Arte Ornamental. Notas ao Catalogo. (Lisboa: Imprensa Nacional, 1883), 23.
  2. Francisco de Sousa Viterbo, Exposição d’Arte Ornamental. Notas ao Catalogo. (Lisboa: Imprensa Nacional, 1883), 24.

Bibliografia e Fontes

  • Catalogo illustrado da exposição retrospectiva de arte ornamental portugueza e hespanhola. Lisboa: Imprensa Nacional, 1882.
  • Viterbo, Francisco de Sousa, Exposição d’Arte Ornamental. Notas ao Catalogo. Lisboa: Imprensa Nacional, 1883.

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

DOI

Citar este artigo