Custódia de Alcobaça

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search
Custódia
Data 1412
Género Ourivesaria
Técnica Prata fundida, cinzelada, recortada, ivasada, incisa e dourada; gemas e vidros lapidados
Dimensões 92,5 cm  × 30,8 cm 
Encomendador D. Frei João de Ornelas
Localização Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

Historial

Obra encomendada para o Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça pelo abade Dom Frei João de Ornelas em 1412, segundo consta de uma inscrição que contém[1].

É provavelmente uma das custódias descritas no inventário da sacristia do Mosteiro, datado de 1536, que Viterbo transcreve na sua obra dedicada à Exposição Retrospectiva de Arte Ornamental Portuguesa e Espanhola de 1882, onde esta custódia esteve exposta na Sala M, com o número 239[2].

Descrição

Notas

  1. http://www.matriznet.dgpc.pt/MatrizNet/Objectos/ObjectosConsultar.aspx?IdReg=246305 consultado a 14 de setembro de 2017.
  2. Catalogo illustrado da exposição retrospectiva de arte ornamental portugueza e hespanhola. (Lisboa: Imprensa Nacional, 1882), 29.

Bibliografia e Fontes

  • Catalogo illustrado da exposição retrospectiva de arte ornamental portugueza e hespanhola. Lisboa: Imprensa Nacional, 1882.
  • Viterbo, Francisco de Sousa, Exposição d’Arte Ornamental. Notas ao Catalogo. Lisboa: Imprensa Nacional, 1883.

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

DOI

Citar este artigo