Francisco de Holanda

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Francisco de Holanda
Nome completo valor desconhecido
Outras Grafias valor desconhecido
Pai António de Holanda
Mãe valor desconhecido
Cônjuge valor desconhecido
Filho(s) valor desconhecido
Irmão(s) Miguel de Holanda, Maria, João Homem de Holanda
Nascimento 6 setembro 1517
Lisboa, Lisboa, Portugal
Morte 19 junho 1584
Lisboa, Lisboa, Portugal
Sexo Masculino
Religião valor desconhecido

Biografia

Dados biográficos

Filho do iluminador António de Holanda, com quem começou a aprender a sua arte. Esteve em Roma, patrocinado pelo rei D. João III, tendo aí conhecido Miguel Ângelo.

A esposa de Francisco de Holanda, Luísa da Cunha de Sequeira, recebe 100.000 reais e três moios de trigo após a morte do marido a 19 de junho de 1584[1].

Carreira

Foi pintor e teórico na corte de D. João III.

"Pintor, architecto, miniaturista, só lhe faltou manejar o cinsel. Em compensação, manejou a penna e se não revelou em primorosas estrophes o seu estro poetico, manifestou o seu talento de critico, de escriptor e de archeologo"[1].

Outras informações

Obras

Escreveu as seguintes obras:

  • 1548 - Da Pintura Antigua.
  • 1549 - Diálogos em Roma.
  • 1549 - Do tirar polo Natural.
  • 1571 - Da fábrica que falece ha cidade de Lisboa.
  • 1571 - De quanto serve a sciência do desenho e entendimento da arte da pintura.

Obra gráfica:

  • 1537-1564 - Álbum dos desenhos das Antigualhas.
  • c. 1545-1573 - Álbum De Aetatibus Mundi Imagines.

  • Holanda, Francisco. Da pintura antiga. ed. Angel Gonzalez Garcia. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1984.
  • Holanda, Francisco. Diálogos em Roma. ed. José da Felicidade Alves. Lisboa: Livros Horizonte, 1984.
  • Holanda, Francisco, Da ciência do desenho. ed. José da Felicidade Alves. Lisboa: Livros Horizonte, 1985.
  • Holanda, Francisco. Antiguidades da Itália por Francisco de Holanda: descripção critica dos desenhos do Escurial. ed. Joaquim de Vasconcelos. Lisboa: Imprensa Nacional, 1896.

Referências bibliográficas

  1. 1,0 1,1 Viterbo, Diccionario Histórico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portugueses ou a serviço de Portugal, Vol II, 8.

Bibliografia e Fontes

  • Alves, José da Felicidade. Introdução ao estudo da obra de Francisco d'Holanda. Lisboa: Livros Horizonte, 1986.
  • Arruda, Luísa. "Roma e a Academia de S. Lucas como modelo para os estudos artísticos em Portugal: o desenho e a literatura artística de Francisco de Holanda a Domingos António Sequeira." In Desenho: história e ensino coordenação Luísa Arruda e Fernando António Baptista Pereira, 58-75. Lisboa: Scribe, 2016.
  • Cordero Blanco, Francisco. Identificacion de una obra desconocida de Francisco de Holanda. Madrid: Consejo Superior de Investigaciones Científicas. Instituto Diego Velásquez, 1955.
  • Cordero Blanco, Francisco. A obra de pintura de Francisco de Holanda. Lisboa: Bertrand, 1958.
  • Deswarte-Rosa, Sylvie. As Imagens das Idades do Mundo de Francisco de Holanda. Lisboa: Imprensa Nacional Casa da Moeda, 1987.
  • Deswarte-Rosa, Sylvie. Ideias e imagens em Portugal na época dos descobrimentos: Francisco de Holanda e a teoria da arte. Lisboa: Difel, 1992.
  • Deswarte-Rosa, Sylvie. "L’Adam mélancolique de Francisco de Holanda." In Textes au corps. Promenades et musardises sur les terres de Marie Madeleine Fontaine, edição de Didier Kahn, Elsa Kammerer, Anne-Hélène Klinger-Dollé, Marine Molins e Anne-Pascale Pouey-Mounou, 97-128. Genebra: Droz, 2015.
  • Jordan, Annemarie. Retrato de Corte em Portugal. O Legado de António Moro (1552-1572). Lisboa: Quetzal Editores, 1994.
  • Moreira, Rafael. "Novos dados sobre Francisco de Holanda." Sintria I-II (1982-83): 619-692.
  • Pereira, Fernando António Baptista. "Por onde deve aprender o pintor segundo Francisco de Holanda o pintor ha-de nascer já pintor" In Desenho: história e ensino. coordenação de Luísa Arruda e Fernando António Baptista Pereira, 10-31. Lisboa: Scribe, 2016.
  • Pinho, Joana Balsa. "A capela do Monte de Francisco de Holanda em Camarões (Almargem do Bispo) - novos elementos." Artis 9/10 (2010/2011): 225-240.
  • Santos, Maria Amélia Machado. A estética de Francisco de Holanda. Coimbra: [s.n.], 1940.
  • Segurado, Jorge. Francisco d'Ollanda : da sua vida e obras. Lisboa: Excelsior, 1970.
  • Segurado, Jorge. "Duas pinturas de quinhentos de Francisco d'Ollanda?". Belas artes 2, nº 28-29 (1975): 83-104.
  • Segurado, Jorge. "Francisco d'Ollanda e o retábulo da Madre de Deus". Belas artes 2, nº31 (1977): 19-34.
  • Serrão, Vítor. Estudos de Pintura Maneirista e Barroca. Lisboa: Caminho, 1989.
  • Sousa, A. D. de Castro. Resumo histórico da vida de Francisco de Holanda, architecto civil, iluminador, pintor e escriptor : recitado na Associação dos Architectos Portuguezes no edificio gothico do Carmo no dia 21 de Julho de 1869. Lisboa: Typographia Portugueza, 1869.
  • Teixeira, António Moreira. "O desdobramento do mundo: a identificação da invenção artística com o conceito metafísico de ideia em “Da pintura antiga” de Francisco de Holanda." Tese de Mestrado, Universidade de Lisboa, 1993.
  • Teixeira, António Moreira. "A ideia não tem fim: para uma filosofia da história de arte em Francisco de Holanda." Tese de Doutoramento, Universidade de Lisboa, 2002.
  • Turner, Nicholas. Desenhos de mestres europeus em colecções portuguesas Lisboa: Centro Cultural de Belém, 2000.
  • Vilela, José Stichini. Francisco de Holanda - Vida, Pensamento e Obra. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa, 1982.
  • Viterbo, Francisco de Sousa. Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1903.
  • Viterbo, Francisco de Sousa. Diccionario Histórico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portugueses ou a serviço de Portugal. Vol II. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1904.
  • Wamel, Marieke. "Plumas y pinceles/Pennen en pinceelen. The portraits by Anthonis Mor van Dashorst and the treatises by Francisco de Holanda and Felipe de Guevara; a study into the mutual influences and the exchange of ideas on sixteenth century painting and portraiture." University of Amsterdam, Tese de mestrado, 2011.

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

DOI

Citar este artigo