Nuno Campelo de Andrade

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Nuno Campelo de Andrade
Nome completo Nuno José Severo Campelo de Andrade
Outras Grafias Nuno José Severo Campelo d'Andrade
Pai valor desconhecido
Mãe valor desconhecido
Cônjuge valor desconhecido
Filho(s) valor desconhecido
Irmão(s) valor desconhecido
Nascimento valor desconhecido
Morte 29 março 1902
Sexo valor desconhecido
Religião valor desconhecido
Postos
Posto Capitão
Arma Infantaria
Cargos
Cargo Director
Data Início: 19 de dezembro de 1895
Fim: 05 de setembro de 1900

Cargo Chefe de secção
Data Início: 30 de dezembro de 1900
Actividade
Actividade Levantamento do território
Data Início: 30 de março de 1901
Fim: 30 de março de 1901
Local de Actividade São Tomé e Príncipe


Biografia

Dados biográficos

Carreira

Director das Obras Publicas de S. Thomé, por Decreto – 19 de Dezembro de 1895 Capitão d’infanteria com o curso d’engenharia civil.

- Apresentou-se n’este ministério em 4-1-96

- Seguiu viagem em 6-1-96

- Apresentou-se em 9 de Outubro de 1897.

- Seguiu viagem em 6-1-98

- Regressou ao reino em 23-1-99.

- Apresentou-se em 11-2-99

- Exonerado por decreto de 5-9-1900

- Por portaria de 13 de Dezembro de 1900 foi nomeado chefe de secção da direcção de obras publicas de Moçambique.

- Demorado 30 dias com vencimento por ordem de Sua Exa o Mininistro

- Presente à Junta em 10-1-901 foram-lhe arbitrados 60 dias de licença para se tratar. Portaria 17-1-901

- Foi encarregado de proceder à determinação das coordenadas geographicas dos portos mais notáveis da Ilha de S. Thomé – Portaria de 30 de Março de 1901.

- Seguiu viagem em 6 d’abril de 1901

- Falleceu em 29-3-1902

Outras informações

Obras

Notas


Fontes

Bibliografia

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

Mafalda Pacheco

CHAM - Centro de Humanidades, FCSH, Universidade Nova de Lisboa

https://orcid.org/0000-0002-1091-6325

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

Citar este artigo