Olivier de Ghent

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Olivier de Ghent
Outras Grafias EQUAL
Nascimento
[[Ghent]]
Morte 1512
[[Tomar]]
Sexo masculino

Biografia

Dados biográficos

Entalhador de origem flamenga, provavelmente de Ghent, trabalhou em Portugal, em Coimbra e em Tomar. Faleceu em 1512, quando estava a trabalhar no cadeiral do Convento de Cristo de Tomar, com Fernão Muñoz, seu assistente, que continuou a sua obra[1].

Carreira

Outras informações

Obras

  • 1498-1502 - Retábulo do altar-mor da Sé Velha de Coimbra com Jean d'Ypres.
  • 1511-1512 - Cadeiral do Convento de Cristo, Tomar, com Fernão Muñoz.

Referências bibliográficas

  1. Viterbo, Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal, 14-15.

Bibliografia e Fontes

  • Frasão, Irene, Dias, Ana Carvalho. A Charola do Convento de Cristo. História e Restauro. Lisboa: DGPC, 2014.
  • Gouveia, António Camões. O brilho do Norte: escultura e escultores do Norte da Europa em Portugal: época Manuelina. Lisboa: Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimenos Portugueses, 1997.
  • Pereira, Fernando António Baptista. "Olivier de Gand." In Dicionário de Escultura Portuguesa coordenação de José Fernandes Pereira, 321-324. Lisboa: Editorial Caminho, 2005.
  • Serrão, Vítor. História da arte em Portugal: o renascimento e o maneirismo. Lisboa: Editorial Presença, 2002.
  • Viterbo, Francisco de Sousa. Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1903.

Ligações Externas


Autor(es) do artigo

DOI

Citar este artigo