Caetano Aires de Andrade

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Caetano Aires de Andrade
Nome completo valor desconhecido
Outras Grafias valor desconhecido
Pai valor desconhecido
Mãe valor desconhecido
Cônjuge valor desconhecido
Filho(s) valor desconhecido
Irmão(s) valor desconhecido
Nascimento 1787
Morte 1852
Sexo Masculino
Religião valor desconhecido


Biografia

Dados biográficos

Carreira

Caetano Aires de Andrade foi discípulo de Domingos Sequeira a partir de 1803 e trabalhou como seu ajudante até que este abandonou o país.

A 26 de agosto de 1817 obteve por Portaria da Regência do Reino o vencimento de 800 réis diários. Em agosto de 1823, por ordem do rei, foi trabalhar para a obra do Paço da Ajuda, em Lisboa, como ajudante, cargo que ainda exercia em setembro de 1825, pois assim se designa numa petição ao rei em que pede um aumento do seu ordenado . A 29 de julho de 1830, continuando a trabalhar nas obras do Paço Real, fez novo requerimento, aparecendo já designado como Pintor de Figura Histórica ao Real.

Aquando da criação da Academia de Belas Artes, em 1836, foi nomeado Professor Substituto da Aula de Desenho e Figura[1]. Em 1843 era professor de figura na Academia de Belas Artes, tinha então por volta de 56 anos[2].

Outras informações

Obras

Notas

  1. Colecção oficial de legislação portuguesa. Lisboa: Imprensa Nacional, 1837, 57.
  2. Viterbo, Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal, 60-61.

Fontes

Bibliografia

Colecção oficial de legislação portuguesa. Lisboa: Imprensa Nacional, 1837.

Raczynski, Atanazy. Dictionnaire historico-artistique du Portugal pour faire suite à lªouvrage ayant pour titre: Les arts en Portugal, lettres adressées à la Société artistique et scientifique de Berlin et accompagnées de documents. Paris: Jules Renouard et Cie, Libraires-Éditeurs, 1847.

Viterbo, Francisco de Sousa. Notícia de Alguns Pintores Portuguezes e de outros que sendo estrangeiros exerceram a sua arte em Portugal. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1911 (3ª série).

Ligações Externas

Gravuras digitalizadas em BNP.

Autor(es) do artigo

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

Citar este artigo