José da Costa Campos

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


José da Costa Campos
Outras Grafias EQUAL
Pai Hermegildo Costa Campos
Mãe Mariana Águia Pereira Lacerda
Nascimento 16 de agosto de 1801
[[Pangim, Tiswadi, Goa,-]]
Morte 07 de junho de 1862
[[Pangim, Tiswadi, Goa,-]]
Formação
Formação Curso de Fortificação e Artilharia e Desenho
Data Fim: 1821
Instituição de Formação [[Academia Militar de Goa]]
Cargos
Cargo Inspector
Data Início: 1838
Fim: 1859
Instituição [[Obras Públicas Civis do Estado da Índia]]

Cargo Professor
Instituição [[Escola Matemática e Militar de Goa]]

Cargo Director
Data Início: 1853
Instituição [[Escola Matemática e Militar de Goa]]


Biografia

Dados biográficos

Carreira

Militar. Foi cadete de Artilharia em 1908. Assentou praça em 1816. Em 1817 fez parte da Campanha dos Ranes. Formou-se na Academia Militar de Goa em 1821, tendo passado a docente quando ainda frequentava o último ano da escola. Capitão de Engenharia em 1826, era Coronel Comandante do Corpo de Engenheiros da Índia em 1859. Entre 1835 e 1838 esteve emigrado na Índia Britânica, com toda a sua família, por problemas políticos em Goa. Membro por diversas vezes do Conselho de Governo do Estado da Índia, entre os anos de 1840 e 1857. Foi por diversas vezes eleito membro do Senado de Goa. Foi Inspector das Obras Públicas pelo menos entre 1838 e 1859. Foi Professor da Escola Mathemática e Militar de Goa, tendo sido nomeado seu Director em 1853. Foi também Director do Arquivo Militar e do Observatório Meteorológico. Autor entre diversas obras em Pangim, como por exemplo da Fonte Fénix nas Fontainhas e do Monumento a Afonso de Albuquerque.

Outras informações

Obras

Notas


Fontes

Boletim do Governo dos Estados da Índia nº 31, 13 Jun 1838, p. 175. FORJAZ, Jorge. NORONHA, José Francisco de. Os Luso-Descendentes da Índia Portuguesa. Lisboa: Fundação Oriente, 2003. Vol I, p. 675 Informação annoal dos Officiaes do Corpo de Engenheiros, Referido ao (mês?) de Janeiro de 1854. In AHU. Nº Ordem 2213. Cód 1L. “Mappa demonstrativo dos allunos da extinta Academia militar que obtiveram suas cartas de habilitação (….) até à sua extincção em 18 de Agosto de 1841.” In SAMPAIO, João de Melo. Breve Noticia da origem e divulgação dos estudos superiores em Goa, por methodos europeus e em língua portugueza. In O Oriente Português, 1905, Vol II. NAZARETH, José Maria do Carmo. José da Costa Campos. In A Illustração Goana,Junho de 1866, p.1-4. Relação dos officiaes e mais praças de diversos corpos do Exercito deste estado; empregados publicos, e outras muitas pessoas de diversas classes e seitas, que em razão das ocorrenciais politicas a qui havidas desde Março de 1835, se achavam fora em differentes ponto, huns deportados, outros emigrados, e outros retirados, e que sucessivamente se recolherao depois da chegada de S. Exc. o Snr. Governador Geral. In Boletim do Governo dos Estados da Índia. Nº 6, 1 Fev 1838, pp. 31-32. SALDANHA, Gabriel. História de Goa. Nova Goa: LIvraria Coelho, 1925, Vol 2, p.147, nota 1.

Bibliografia

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

Citar este artigo