Matias José Dias Azedo

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Matias José Dias Azedo
Nome completo Matias José Dias Azedo
Outras Grafias EQUAL
Pai Caetano Dias Azedo (do Brasil)
Mãe D. Iria (Beja)
Filho(s) Martinho José Dias Azedo
Nascimento 24 de fevereiro de 1758
Morte 11 de fevereiro de 1821

Biografia

Dados biográficos

Carreira

Vide, Sepúlveda, Cristóvão Aires de Magalhães. Historia organica e politica do Exercito Português. Vol. 7. Coimbra: Imprensa da Universidade, 1913, 95-97

Em 1782 ocupa o cargo de primeiro tenente de infantaria com exercício de engenheiro. A 07 de Julho 1810 é promovido a marechal de campo. Três anos depois, na mesma data, ocupa o cargo de tenente general. Trabalha também como lente da Academia Real de Fortificação, Artilharia e Desenho.

Entre 1810 e 1821 é comandante do Real Corpo de Engenheiros. A partir de 21 de Fevereiro de 1821 é inspector do Arquivo Militar.

Entre 03 de Junho de 1814 a 27 de Dezembro de 1816 é inspector das linhas de defesa da capital e da praça de Peniche. Já entre 17 de Maio de 1816 a 20 de Fevereiro de 1820 é membro da junta do Código Penal Militar. A partir de 17 de Dezembro de 1817 é conselheiro de guerra.

A 15 de Setembro de 1829 participa como membro do governo provisório e entre 01 de Outubro de 1820 e 26 de Janeiro de 1821 é secretário da Junta Provisional do Governo Supremo. No mesmo ano, trabalha como inspector das fortificações do reino[1].

Outras informações

Obras

Referências bibliográficas

  1. Viterbo, Diccionario Histórico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portugueses ou a serviço de Portugal, Vol I, 76-78.

Bibliografia e Fontes

  • Antoni, Azedo, Matias José Dias (trad.). Architectura militar. Lisboa: Typografia Regia Silviana, 1790.
  • Azedo, Matias José Dias. Compendio militar, escrito segundo a doutrina dos melhores Autores para instrusaõ dos Discipulos d'Academia Real de Fortificasaõ, Artilherîa, e Dezenho... Lisboa: na Regia Typografîa Silviana, 1700.
  • Azedo, Marias José Dias. Na gloriosa e faustissima acclamação da Rainha Nossa Senhora: ode. Lisboa: Regia Off. Typ., 1777.
  • Azedo, Matias José Dias e Morais, Anacleto da Silva O Hymeneo [ Libreto]: pequeno drama. Lisboa: Na Offic. Patr. de Francisco Luiz Ameno, 1783.
  • Silva, Inocêncio Francisco. Diccionário bibliographico portuguez: estudos de Innocêncio Francisco da Silva aplicáveis a Portugal e ao Brazil. Lisboa: Imprensa Nacional, 1858-1923.
  • Viterbo, Francisco de Sousa. Diccionario Histórico e Documental dos Architectos, Engenheiros e Construtores Portugueses ou a serviço de Portugal, Vol I. Lisboa: Tipografia da Academia Real das Ciências, 1899.
  • Vaz, Artur Emilio Alarcon et al.. Livros e periódicos nos séculos XVIII e XIX (UFPB) 91
  • Verri, Gilda Maria Whitaker, Tinta sobre papel: livros e leituras em Pernambuco no século XVIII. Recife, 2006.

  • Génio Constitucional, 1820.
  • Gazeta 1820
  • Documentos manuscritos avulsos da Capitania de Pernambuco. Editora Universitária UFPE. 2006.]
  • Planta da Praça de Campo Maior com a distinção dos trabalhos da sua reparação deliniada pelo Segundo Tenente Caetano Paulo Xavier debaixo das direçoens do Sarg.to mor Mathias Joze Dias Azedo, em Setembro de 1797.

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

DOI

Citar este artigo