Agulheta

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search

Definição

É um remate agudo em metal ou metal precioso na extremidade de algum cordão, ataca, fita, etc., com função de atar partes separadas de uma peça ou diferentes peças de vestuário, que facilita a introdução do cordão ou fita no orifício e serve de ornamento.

Podia também ser feita de osso.[1]

Tem função semelhante ao botão.

Referências documentais

"Esta palavra é atestada uma única vez em Gil Vicente, em castelhano. No Triunfo do Inverno, o pastor Juan Guijarro vendeu as cabras para comprar gujetas, a fim de ficar elegante e seduzir as raparigas." [2]

Outras informações

Antigamente havia nos calções atacas de agulheta; fitas de agulheta nas golilhas, cordões de agulheta nas couras dos soldados.[3]

Ver agulheteiro.

Notas

  1. Fialho, “O traje de corte feminino em Portugal da época de D. Manuel I a D. Pedro II”, 151.
  2. Palla, Do essencial e do Supérfluo, 184.
  3. Bluteau, Vocabulário Português e Latino, letra A: 193.

Fontes

Bibliografia

Bluteau, Rafael. Vocabulário Português e Latino… Vol. 1. Coimbra: Colégio das Artes da Companhia de Jesus, 1712-1728.

Fialho, Maria João. O traje de corte feminino em Portugal da época de D. Manuel I a D. Pedro II. Dissertação de Mestrado, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa, 2011.

Palla, Maria José. Do essencial e do Supérfluo. Estudo lexical do traje e adornos em Gil Vicente. Lisboa: Editorial Estampa, 1992.

Ligações Externas

Glossário Portas Adentro, ics.uminho

Autor(es) do artigo

  • André Filipe Neto e Maria Teresa Oliveira (bolseiros de iniciação à investigação)

Projeto eViterbo, CHAM - Centro de Humanidades NOVA FCSH, 2017-18;

  • Andreia Fontenete Louro (bolseira de iniciação à investigação)

Projeto DRESS, 2019;

  • Inês Amaral Canhão (bolseira de iniciação à investigação)

Projeto Verão com Ciência, 2022;

  • Carla Alferes Pinto

CHAM - Centro de Humanidades, FCSH, Universidade Nova de Lisboa

https://orcid.org/0000-0001-9055-9630

Financiamento

VESTE _ Vestir a corte: traje, género e identidade(s), Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito da Norma Transitória - DL 57/2016/CP1453/CT0069.

DRESS _ Desenhar a moda das fontes quinhentistas, Fundação Calouste Gulbenkian, Projetos de Investigação em Língua e Cultura Portuguesa 2018, Ref.: 227751.

Verão com Ciência FCT, 2022.

DOI

Citar este artigo

  • Agulheta (última modificação: 05/09/2022). eViterbo. Visitado em