Maurício Costa Campos

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Maurício Costa Campos
Nome completo valor desconhecido
Outras Grafias valor desconhecido
Pai valor desconhecido
Mãe valor desconhecido
Cônjuge valor desconhecido
Filho(s) valor desconhecido
Irmão(s) valor desconhecido
Nascimento valor desconhecido
Morte valor desconhecido
Sexo valor desconhecido
Religião valor desconhecido


Biografia

Dados biográficos

Aluno da Aula de Marinha de Goa, recebeu a a sua carta de habilitação a 25 de Abril de 1785[1].

Proprietário de uma casa em Panelim. Pai de Joaquim Manuel da Costa Campos[2].

Carreira

Pouco depois de ter terminado a sua formação na Aula de Marinha de Goa, em 1785, deve ter ficado a leccionar nessa mesma aula, uma vez que serviu como examinador por diversas vezes, e nas diferentes partes do currículo, até à data de extinção da Aula em 1815[1].

Inocêncio Francisco da Silva do seu "Dicionário Bibliográfico Portuguez" refere que em 1802 era Capitão de fragata da Marinha de Goa tendo depois servido no Brasil.[3]

Professor da Academia Militar de Goa desde a sua fundação e responsável pela cadeira de Marinha até cerca de 1823. Identificado em algumas obras como professor substituto na obra que publicou no rio de Janeiro de 1823, "Vocabulário Marujo", identificava-se como "Lente do 4º ano da Marinha da Nova Academia Militar de Goa".

Outras informações

Obras

  • Mauricio da Costa Campos, Vocabulario marujo: ou Conhecimento de todos os cabos necessarios ao navio; do seu poliame e de todos os termos marujaes, etc, Rio de Janeiro: 1823.[2]

Notas

  1. 1,0 1,1 Sampaio, João Mello de. “Breve Noticia dos Individuos, que ficaram approvados desde 1784 até 1815 na Aula de Marinha, organisada em 17 de Maio de 1784 pelo Capitão General D. Frederico Guilherme de Souza.” O Oriente Português II, no. 3 (1905): Op. 116
  2. "Annuncios" in Boletim do Governo do Estado da Índia, n. 86, 31 de Outubro de 1856, 550
  3. Innocencio Francisco da Silva, Diccionario Bibliographico Portuguez. Estudos Aplicáveis a Portugal e Ao Brasil, vol. 6 (LIsboa: Imprensa nacional, 1862), 170. [1]

Fontes

Bibliografia

Ligações Externas

Autor(es) do artigo

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

Citar este artigo