Victorino José dos Santos

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Victorino José dos Santos
Nome completo Victorino José dos Santos
Outras Grafias valor desconhecido
Pai Augusto César dos Santos
Mãe Isabel de Ornelas dos Santos
Cônjuge Maria Brígida da Cunha
Filho(s) Júlio Paulo da Cunha Santos, Tomás Alberto da Cunha de Ornelas Santos, António, Maria, Victorino, Lísia
Irmão(s) Augusto César dos Santos
Nascimento 29 dezembro 1863
Funchal, Madeira, Portugal
Morte 1 outubro 1928
Funchal, Madeira, Portugal
Sexo Masculino
Religião Cristã
Residência
Residência Luanda, Luanda, Angola
Data Início: 1892
Fim: 1896

Residência Funchal, Madeira, Portugal
Data Início: 29 de dezembro de 1863
Fim: 01 de outubro de 1928

Residência Lisboa, Portugal
Data Início: 1884
Formação
Formação Instrução técnico-profissional
Local de Formação Lisboa, Lisboa, Portugal

Formação Engenharia civil
Data Início: 1888
Fim: 1890
Local de Formação Lisboa, Lisboa, Portugal
Cargos
Cargo Professor
Data Início: 1902
Fim: 1910

Cargo Engenheiro auxiliar
Data Início: 1904
Fim: 1909

Cargo Engenheiro
Data Início: 1892
Fim: 1895

Cargo Director
Data Início: 1896

Data Fim: 15 de novembro de 1900

Data Início: 22 de novembro de 1900
Fim: 19 de julho de 1901
Actividade
Actividade Vistoria
Data Início: 1892
Fim: 1895
Local de Actividade Angola

Actividade Fiscalização
Data Início: 17 de outubro de 1895
Fim: 17 de novembro de 1895
Local de Actividade Ambaca, Cuanza Norte, Angola


Biografia

Dados biográficos

Victorino José dos Santos nasceu a 29 de Dezembro de 1863 na freguesia da Sé - também designada de Santa Maria Maior - do Funchal, ilha da Madeira, e foi baptizado a 15 de Junho de 1864. Era filho legítimo de Augusto César dos Santos, natural da Sé, e de Dona Isabel de Ornelas dos Santos, natural de São Gonçalo, proprietários e moradores na rua das Pretas na freguesia da Sé, ambos do concelho do Funchal. Era neto paterno de Victorino José dos Santos e de Dona Júlia de Ornelas dos Santos, e neto materno de Faustino António de Ornelas e de Dona Carolina Júlia Afonseca de Ornelas[1].

Victorino José dos Santos casou por procuração a 6 de Março de 1893[2] na Igreja Catedral da Sé do Funchal com Maria Brígida da Cunha, de 22 anos, natural de Santa Maria Maior, filha legítima do Cândido Casimiro Cunha Júnior, natural de Santa Maria Maior, e Dona Eufémia da Silva Cunha, natural de Santa Luzia, tudo do concelho do Funchal[3]. Foi representante de Victorino o seu irmão Augusto César dos Santos[4][5], casado[6][7], fotógrafo, morador na Rua de São Francisco da freguesia da Sé[3], pelo facto de nessa altura se encontrar em comissão em Angola como engenheiro civil[3].

Victorino José dos Santos e sua mulher tiveram pelo menos seis filhos: António[8], Maria[9], Victorino[10], Júlio Paulo da Cunha Santos[11], Tomás Alberto da Cunha de Ornelas Santos[12] e Lísia[13], todos nascidos na paróquia de São Gonçalo, concelho do Funchal.

Faleceu a 1 de Outubro de 1928 de "apoplexia cerebral" no Funchal - mais precisamente na sua residência na Rua Nova da Alegria, freguesia de Santa Maria Maior - e foi sepultado no Cemitério de Nossa Senhora das Angústias[14].

Carreira

Em 1884, Victorino José dos Santos vivia em Lisboa, na freguesia de Santo Estevão, quando foi sorteado com o nº 2 para constituir, como recruta efectivo, o contingente do Exército e Armada[15]. Fez os estudos preparatórios na Escola Politécnica de Lisboa[16]. Quatro anos depois, cumprindo 24 anos, matriculou-se na Escola do Exército[17], onde fez o curso de Engenharia Civil a paisano[16]. No ano lectivo 1889/1890, ficou apurado com 14,4 valores[18]. Tinha conhecimentos de língua francesa.

Em Agosto de 1892, já residia em Luanda, quando solicitou para integrar, como engenheiro subalterno, o quadro dos engenheiros da Direcção das Obras Públicas de Angola[19]. Facto que se verificou na data de 15 de Janeiro de 1894[20][21].

Devido ao volume de trabalho na manutenção e construção dos edifícios públicos, em 1893, foi sugerido que Victorino José dos Santos, enquanto engenheiro, ocupasse o posto na 3ª secção como chefe de secção e que fosse auxiliado por três condutores[22]. Esta acção visou colmatar o défice de técnicos qualificados ao serviço das obras públicas, contribuindo para a prosperidade de Angola[22].

Em Setembro de 1895, Luanda e Ambaca tiveram em curso cerca de 500 km de exploração e 64 km de construção. Recomendou-se, então, Victorino José dos Santos para a fiscalização das obras da linha de Ambaca[23], com um vencimento de sessenta mil reis (60$000) e uma gratificação de cento e oitenta mil reis (180$000)[23][24]. Apresentou-se na direcção fiscal a 17 de Outubro de 1895[23] onde desempenhou as suas funções até 17 de Novembro de 1895[25]. Tinha nessa altura um ordenado de setecentos e vinte mil reis (720$000) e, de acordo com a apreciação do seu serviço, desempenhava bem as suas funções e tinha boas "qualidades moraes e profissionais"[17].

Victorino dos Santos foi engenheiro director da Direcção das Obras Públicas de Angola em Luanda entre 1892 e 1895 (perfazendo 3 anos, 5 meses e 7 dias)[25]. Em Junho de 1896, era director interino na fiscalização do Caminho de Ferro de Luanda a Ambaca[26]. Em 1905, o Diário do Governo enunciava que era engenheiro auxiliar nas obras públicas, pertencente ao quadro desde 26 de Agosto de 1904, na situação de "serviço destacado"[27]. Édito que se repetiu nos anos seguintes, e se conseguiu apurar até 1909[28].

A 26 de Abril de 1896, Victorino José dos Santos foi diagnosticado com hipocinesia cardíaca e dilatação do estômago - anemia consecutiva. Foi, por isso, aconselhado a regressar à metrópole para se tratar[25]. O Mapa de Saúde, onde foi registado o diagnóstico, foi assinado por José de Brito Freire, chefe do serviço de saúde, Porfírio Teixeira Rebelo, facultativo de 1ª classe, e Joaquim Francisco Heliodoro da Silva, facultativo de 2ª classe[17]. A 7 de Setembro de 1896, foi diagnosticado com "Paludismo e gastrite" decorrente do "serviço em Africa Ocidental" no Hospital Regimental do Batalhão de Caçadores Nº 12. Foi-lhe proposto o tratamento "adequado no seu quartel" e, também, sugerido "que lhe (fossem) concedidos 90 dias de licença para se tratar convenientemente na Madeira". Já anteriormente tinha usufruído de 3 meses de licença pelo mesmo motivo[29][30].

A 26 de Novembro de 1897, esteve em Lisboa a tratar de assuntos particulares. Para efectuar esta deslocação solicitou previamente uma licença ilimitada que foi aceite porque não fazia parte do quadro dos engenheiros das Obras Públicas do Ultramar[31].

A 15 de Novembro de 1900, Victorino foi exonerado, a seu pedido, do cargo de Administrador do Concelho do Funchal, Madeira[32]. Contudo, em 22 de Novembro de 1900, era novamente reconduzido no referido cargo[33], contando que a 19 de Julho de 1901, fosse novamente exonerado, a seu pedido[34]. Não foi localizada a sua primeira nomeação. No entanto, esta ocorreu entre Junho de 1899 e Novembro de 1900, uma vez que, a 12 de Junho de 1899, o Diário do Governo publicava um edital do, então, administrador do Concelho do Funchal, José Maria Malheiro[35].

Foi professor auxiliar na Escola de Comércio e Indústria no Funchal "António Augusto de Aguiar" - na época designada Escola de Desenho Industrial do Funchal - pelo menos entre 1902 e 1910. Nesta, leccionou as disciplinas de Desenho Arquitectónico (2ª disciplina) em 1902[36],e Aritmética e Geometria (4ª disciplina), em 1903[37] e 1904[38]. Embora não se tenham localizado, depois de 1904, outros éditos a este respeito, a informação adiantada no Diário do Governo datada de Janeiro de 1910 não deixa dúvida de que Victorino manteve a sua actividade em "serviço destacado" até, pelo menos, 1910: "Victorino José dos Santos, na Direcção Geral do Commercio e Industria, Professor da Escola Industrial Antonio Augusto de Aguiar, no Funchal"[39].

Segundo o decreto de 26 de Agosto 1904, nos termos do Artigo nº 100 do decreto de 24 de Outubro de 1901, foi nomeado engenheiro ajudante da secção das obras públicas da engenharia civil[40]. Esta nomeação foi reforçada, por acção da divulgação da passagem ao serviço do Ministério do Comércio e Indústria, no Diário do Governo de 13 de Setembro do mesmo ano[41], ficando, assim, a pertencer ao quadro.

Em Fevereiro de 1907, foi nomeado para substituir o juiz de direito da comarca do Funchal[42].

Outras informações

Os finais do século XIX assistiram a uma evolução cientifica importante com as descobertas de Pasteur. Este defendeu a importância da higiene pública, que logo apresentou um motivo de interesse na construção civil do ultramar "onde a vida dos europeus carece dos mais profícuos meios de protecção"[43]. Foi, por isso, solicitado para que os chefes do serviços de saúde passassem a figurar no quadro do Conselho Público[43].

Devido às condições de "clima bastante doentio durante uma parte do ano" defendeu-se a necessidade de permanência constante de dois condutores na 1ª e 2ª secção, por forma a haver possibilidade de substituição em caso de doença[44]. Assim, em 1893 estiveram ao serviço os condutores "Micas" e "Corte Real" que deram apoio ao engenheiro director Paes da Cunha, que desempenhou o serviço de delimitação[44].

A Direcção das Obras Públicas teve 3 secções: a 1ª Companhia abrangia os distritos de Cabo Delgado, Moçambique e o Comando Militar de Angola, a 2ª Companhia o vasto território da Zambézia e a 3ª Companhia os distritos de Lourenço Marques e Inhambane[44].

Existe uma fotografia de Victorino José dos Santos datada de 26 de Novembro de 1928[45].

Notas

  1. Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1864, lv. 1266, fl. 14, nº 44.
  2. Era já nessa altura engenheiro, encontrando-se em comissão em Angola.
  3. 3,0 3,1 3,2 Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Casamentos 1893, lv. 1329, fl. 8-8v., nº 10.
  4. Nasceu na Sé do Funchal a 1 de Março de 1862 e foi baptizado a 5 de Abril do mesmo ano.
  5. Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1862, lv. 1264, fl. 11-11v., nº 23.
  6. Casou na Igreja Catedral da Sé do Funchal a 25 de Julho de 1887 com Dona Palmira Marta de Abreu.
  7. Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Casamentos 1887, lv. 1323, fl. 8v.-9v., nº 10.
  8. Nascido a 2 de Julho de 1896. Ver em Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da São Gonçalo. Baptismos 1896, lv. 6580A, fl. 29v.-30, nº 57.
  9. Nascida a 30 de Junho de 1897. Ver em Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1897, lv. 6581A, fl. 31v.-32, nº 62.
  10. Nascido a 6 de Junho de 1900. Ver em Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1900, lv. 6584A, fl. 19, nº 57.
  11. Nascido a 2 de Agosto de 1901. Ver em Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1901, lv. 6585A, fl. 22v.-23, nº 67.
  12. Nascido a 28 de Novembro de 1902. Ver em Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1902, lv. 6586A, fl. 34v.-35, nº 111.
  13. Nascido a 17 de Abril de 1904. Ver em Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1904, lv. 6588A, fl. 13v., nº 25.
  14. Arquivo e Biblioteca da Madeira. Conservatória do Registo Civil do Funchal. Registo de óbitos do Funchal do ano de 1928 (nº 799 a 1198), 539, nº 1063.
  15. Edital de 17 de Novembro de 1884, Diário do Governo, no. 263, 18 de Novembro de 1884, 2933.
  16. 16,0 16,1 Arquivo Histórico Militar. Lista dos Alunos das Escolas Militares - Academia de Fortificação, Escola do Exército, Escola de Guerra e Escola Militar (1790 a 1940), proc. 3836, mç. 97, L 14, fl. 78, nº 2320.
  17. 17,0 17,1 17,2 Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos".
  18. Portaria de 26 de Dezembro de 1890, Diário do Governo, no. 12, 16 de Janeiro de 1891, 111-112.
  19. Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Requisição de 23 de Agosto de 1892 / Ofício Nº 2107, 3ª Rep. de 22 de Setembro de 1892".
  20. Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 601 da 2ª Repartição de 15 de Dezembro de 1893 para a 3ª Repartição".
  21. Arquivo Histórico Ultramarino. Índices. Funcionários Obras Públicas, letra V, 72v., nº 2.
  22. 22,0 22,1 Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 2, Série 1893 do Ministério dos Negócios Estrangeiros".
  23. 23,0 23,1 23,2 Portaria de 16 de Setembro de 1895, Diário do Governo, no. 210,18 de Setembro de 1895, 2547.
  24. Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Requisição de 16 de Setembro de 1895; "Registado na 3ª Rep. 211/52".
  25. 25,0 25,1 25,2 Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Mapa de inspecção feita pela Junta Militar de Saúde, em sessão de 26 de Abril de 1896. Hospital Militar e Civil de Luanda".
  26. Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício da 4ª Rep. L 1, Nº 442 de 3 de Junho de 1896".
  27. "Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1905", Diário do Governo, no. 25, 31 de Janeiro de 1905, 403-410.
  28. "Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1905", Diário do Governo, no. 25, 31 de Janeiro de 1905, 403-410; "Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 31 de Dezembro de 1905", Diário do Governo, no. 17, 23 Janeiro de 1906, 279; "Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1908", Diário do Governo, no. 33, 11 de Fevereiro de 1908, 430-436; "Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 31 de Dezembro de 1908", Diário do Governo, no. 15, 20 de Janeiro de 1909, 229-236.
  29. Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Inspecção sanitária feita no Hospital Regimental de Caçadores nº 12 de 7 de Setembro de 1896 do Hospital Regimental do Batalhão de Caçadores Nº 12".
  30. Assim, a 4ª Repartição comunicou (em ofício de 11 de Setembro de 1879, L 1, nº 446) à Repartição de Angola (3ª, nº 3179 de 23 de Setembro de 1896) que se encontrava em tratamento por indicação médica e teve parecer positivo a 6 de Outubro de 1896.
  31. Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Pedido de 26 de Novembro de 1897 - 3ª Repartição, Nº 2904"; "Portaria de 11 de Dezembro de 1897 do Governo Geral de Angola".
  32. Despacho de 15 de Novembro de 1900, Diário do Governo, no. 260, 16 de Novembro de 1900, 3302.
  33. Despacho de 22 de Novembro de 1900, Diário do Governo, no. 266, 23 de Novembro de 1900, 3373.
  34. Despacho de 19 de Julho de 1901, Diário do Governo, no. 160, 22 de Julho de 1901, 1946.
  35. Edital de 16 de Dezembro de 1898, Diário do Governo, no. 130, 12 de Junho de 1899, 1511.
  36. "Relação do pessoal em serviço no ensino elementar industrial e commercial, referida a 31 de Julho de 1902", Diário do Governo, no. 174, 6 de Agosto de 1902, 2384-2386.
  37. "Relação do pessoal em serviço no ensino elementar industrial e commercial, referida a 31 de Janeiro de 1903", Diário do Governo, no. 25, 3 de Fevereiro de 1903, 380-381.
  38. "Relação do pessoal em serviço no ensino elementar industrial e commercial, referida a 31 de Dezembro de 1903", Diário do Governo, no. 14, 19 de Janeiro de 1904, 249-250.
  39. "Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1910", Diário do Governo, no. 20, 27 de Janeiro de 1910, 302.
  40. Decreto de 26 de Agosto de 1904, Diário do Governo, no. 198, 6 de Setembro de 1904, 3147; Decreto de 26 de Agosto de 1904, Diário do Governo, no. 223, 5 de Outubro de 1904, 3509.
  41. Despacho de 10 de Setembro de 1904, Diário do Governo, no. 204, 13 de Setembro de 1904, 3220.
  42. Despacho de 23 de Fevereiro de 1907, Diário do Governo, no. 44, 25 de Fevereiro de 1907, 577-578.
  43. 43,0 43,1 Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 1, Série 1893 da Direcção das Obras Públicas de Moçambique".
  44. 44,0 44,1 44,2 Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 2, Série 1893 do Ministério dos Negócios Estrangeiros".
  45. Arquivo e Biblioteca da Madeira, cx. 101, nº 31. "Retrato do engenheiro Vitorino José dos Santos". 26 de Novembro de 1928.

Fontes

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Conservatória do Registo Civil do Funchal. Registo de óbitos do Funchal do ano de 1928 (nº 799 a 1198), 539, nº 1063.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1864, lv. 1266, fl. 14, nº 44.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1896.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1897.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1900.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1901.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1902.

Arquivo e Biblioteca da Madeira. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1904.

Arquivo e Biblioteca da Madeira, cx. 101, nº 31. "Retrato do engenheiro Vitorino José dos Santos". 26 de Novembro de 1928.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Baptismos 1862, lv. 1264, fl. 11-11v., nº 23.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Casamentos 1887, lv. 1323, fl. 8v.-9v., nº 10.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia da Sé. Casamentos 1893, lv. 1329, fl. 8-8v., nº 10.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1896, lv. 6580A, fl. 29v.-30, nº 57.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1897, lv. 6581A, fl. 31v.-32, nº 62.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1900, lv. 6584A, fl. 19, nº 57.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1901, lv. 6585A, fl. 22v.-23, nº 67.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1902, lv. 6586A, fl. 34v.-35, nº 111.

Arquivo e Biblioteca do Funchal. Funchal. Paróquia de São Gonçalo. Baptismos 1904, lv. 6588A, fl. 13v., nº 25.

Arquivo Histórico Militar. Lista dos Alunos das Escolas Militares - Academia de Fortificação, Escola do Exército, Escola de Guerra e Escola Militar (1790 a 1940), proc. 3836, mç. 97, L 14, fl. 78, nº 2320.

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Deferimento de 7 de Dezembro de 1897".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Inspecção sanitária feita no Hospital Regimental de Caçadores nº 12 de 7 de Setembro de 1896 do Hospital Regimental do Batalhão de Caçadores Nº 12".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Mapa de inspecção feita pela Junta Militar de Saúde, em sessão de 26 de Abril de 1896. Hospital Militar e Civil de Luanda".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício da 4ª Rep. L 1, Nº 442 de 3 de Junho de 1896".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 1, Série 1893 da Direcção das Obras Públicas de Moçambique".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 2, Série 1893 do Ministério dos Negócios Estrangeiros".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Ofício Nº 601 da 2ª Repartição de 15 de Dezembro de 1893 para a 3ª Repartição".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Pedido de 26 de Novembro de 1897 - 3ª Repartição, Nº 2904".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Requisição de 16 de Setembro de 1895.

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Victorino José dos Santos - Requisição de 23 de Agosto de 1892 / Ofício Nº 2107, 3ª Rep. de 22 de Setembro de 1892".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Portaria de 11 de Dezembro de 1897 do Governo Geral de Angola".

Arquivo Histórico Ultramarino. 767/2. 1D. MU. Cx. 1883-1930. Processos Individuais. ANG. "Registado na 3ª Rep. 211/52".

Arquivo Histórico Ultramarino. Índices. Funcionários das Obras Públicas, letra V, 72v., nº 2.

Despacho de 10 de Setembro de 1904, Diário do Governo, no. 204, 13 de Setembro de 1904, 3220.

Despacho de 15 de Novembro de 1900, Diário do Governo, no. 260, 16 de Novembro de 1900, 3302.

Despacho de 19 de Julho de 1901, Diário do Governo, no. 160, 22 de Julho de 1901, 1946.

Despacho de 22 de Novembro de 1900, Diário do Governo, no. 266, 23 de Novembro de 1900, 3373.

Despacho de 23 de Fevereiro de 1907, Diário do Governo, no. 44, 25 de Fevereiro de 1907, 577-578.

Decreto de 26 de Agosto de 1904, Diário do Governo, no. 198, 6 de Setembro de 1904, 3147.

Decreto de 26 de Agosto de 1904, Diário do Governo, no. 223, 5 de Outubro de 1904, 3509.

Edital de 17 de Novembro de 1884, Diário do Governo, no. 263, 18 de Novembro de 1884, 2933.

Edital de 16 de Dezembro de 1898, Diário do Governo, no. 130, 12 de Junho de 1899, 1511.

Portaria de 26 de Dezembro de 1890, Diário do Governo, no. 12, 16 de Janeiro de 1891, 111-112.

Portaria de 16 de Setembro de 1895, Diário do Governo, no. 210,18 de Setembro de 1895, 2547.

"Relação do pessoal em serviço no ensino elementar industrial e commercial, referida a 31 de Dezembro de 1903", Diário do Governo, no. 14, 19 de Janeiro de 1904, 249-250.

"Relação do pessoal em serviço no ensino elementar industrial e commercial, referida a 31 de Janeiro de 1903", Diário do Governo, no. 25, 3 de Fevereiro de 1903, 380-381.

"Relação do pessoal em serviço no ensino elementar industrial e commercial, referida a 31 de Julho de 1902", Diário do Governo, no. 174, 6 de Agosto de 1902, 2384-2386.

"Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1905", Diário do Governo, no. 25, 31 de Janeiro de 1905, 403-410.

"Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1908", Diário do Governo, no. 33, 11 de Fevereiro de 1908, 430-436.

"Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 1 de Janeiro de 1910", Diário do Governo nº 20, 27 de Janeiro de 1910, 302.

"Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 31 de Dezembro de 1905", Diário do Governo, no. 17, 23 Janeiro de 1906, 279.

"Relação do pessoal do corpo de engenharia civil e seus auxiliares referida a 31 de Dezembro de 1908", Diário do Governo, no. 15, 20 de Janeiro de 1909, 229-236.

Ligações Externas

Arquivo e Biblioteca da Madeira.

Autor(es) do artigo

Sandra Osório da Silva

Departamento de História, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa.

https://orcid.org/0000-0001-7529-5008

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

https://doi.org/10.34619/o3fp-fgkk

Citar este artigo

Silva, Sandra Osório da. "Victorino José dos Santos", in eViterbo. Lisboa: CHAM - Centro de Humanidades, FCSH, Universidade Nova de Lisboa, 2022. (última modificação: 12/07/2024). Consultado a 23 de julho de 2024, em https://eviterbo.fcsh.unl.pt/wiki/Victorino_Jos%C3%A9_dos_Santos. DOI: https://doi.org/10.34619/o3fp-fgkk