Henrique Dias de Carvalho

From eViterbo
Jump to navigation Jump to search


Henrique Dias de Carvalho
Nome completo Henrique Augusto Dias de Carvalho
Outras Grafias valor desconhecido
Pai João Augusto Dias de Carvalho
Mãe Maria Macedo
Cônjuge Julia Amélia de Matos Correia
Filho(s) Filipe, Eulália, Adelina
Irmão(s) valor desconhecido
Nascimento 9 junho 1843
Lisboa, Portugal
Morte 1909
Sexo Masculino
Religião valor desconhecido
Residência
Residência Portugal
Data Fim: maio de 1867

Residência Macau
Data Início: junho de 1867
Fim: setembro de 1873

Residência São Tomé e Príncipe
Data Início: 08 de outubro de 1873
Fim: setembro de 1876
Formação
Data Início: 1853
Fim: 11 de agosto de 1859
Local de Formação Lisboa, Lisboa, Portugal

Data Início: 1859
Fim: julho de 1863
Local de Formação Lisboa, Lisboa, Portugal

Data Início: 1863
Fim: 1867
Local de Formação Lisboa, Lisboa, Portugal
Postos
Posto 1º Sargento
Data Início: 1859
Arma Infantaria

Posto Capitão
Data Início: 28 de outubro de 1873
Arma Infantaria

Posto Coronel
Arma Infantaria
Cargos
Data Início: 1867
Fim: 1873

Cargo Engenheiro auxiliar
Data Início: 1873
Fim: 1876

Cargo Director
Data Início: 31 de janeiro de 1876
Fim: setembro de 1876
Actividade
Actividade Acompanhamento de obra
Data Início: 1867
Fim: 1873
Local de Actividade Macau

Actividade Acompanhamento de obra
Data Início: 1873
Fim: 1876
Local de Actividade São Tomé, São Tomé e Príncipe

Actividade Expedição
Data Início: 1884
Fim: 1888
Local de Actividade Mussumba, Angola


Biografia

Dados biográficos

Henrique Augusto Dias de Carvalho nasceu a 9 de Junho em 1843, na freguesia da Encarnação, em Lisboa, filho de João Augusto Dias de Carvalho e de Maria Macedo. Casou com Julia Amélia de Matos Correia de quem teve três filhos: Filipe, Eulália e Adelina[1]. Morreu em 1909.

Em 1853, com 9 anos, entrou no Real Colégio Militar, tendo terminado os estudos a 11 de Agosto de 1859. Nesse ano, entrou para Escola do Exército como 1º sargento aspirante do Regimento de Infantaria nº 7, concluindo o curso em Julho de 1863[2]. Obteve licença para estudos na Escola Politécnica de Lisboa nos anos lectivos de 1863-1864, 1864-1865 e 1865-1866. Ingressou no curso de engenharia no ano lectivo de 1866-1867. Por impossibilidade económica, apenas realizou a primeira parte do curso[3].

Carreira

A 31 de Maio de 1867, Dias de Carvalho partiu para Macau a bordo da corveta "Maria Pia". Em Macau, integrou a Direcção das Obras Públicas de Macau e Timor no cargo de conductor de obras, tendo trabalhado na construção do Hospital Militar de S. Januário e na adaptação do convento de S. Domingos a quartel da guarda municipal[3].

Desembarcou na ilha de São Tomé, em 28 de Outubro de 1873, com o posto de capitão, tendo assumido o comando da polícia até 31 de Janeiro de 1876. Desempenhou o cargo com louvor e acumulou-o com o cargo de engenheiro auxiliar em comissão e de encarregado de Secção na Direcção das Obras Públicas de São Tomé e Príncipe entre 1873 e 1876. Nesse ano, exerceu igualmente o cargo de director interino[4] em substituição de António Frederico da Costa Moura, que tinha regressado ao reino por motivos de doença. Em Setembro de 1876, também ele regressou ao reino por ordem da Junta de Saúde[3], sendo substituído por Augusto Rogério Gonçalves dos Santos[5] e, posteriormente, por José Caetano Pereira de Sena[6].

Na Direcção das Obras Públicas de São Tomé e Príncipe, ficou encarregado da construção do novo Hospital Militar (1873-1876) e das obras de reedificação da Igreja de Nossa Senhora da Conceição (1875)[7][8].

Chefiou a expedição a Muatiânvua, em Angola, entre 1884 e 1888, que partiu de Luanda em direcção a Mussumba, a capital do Reino de Lunda[9]. A missão tinha como objetivos a ligação comercial com os povos do Quimbundo, Cuango e Cassai, bem como o contacto com a corte de Mussumba do Muatiânvua, para promover o estabelecimento da presença portuguesa. Em 1895, foi criado o distrito da Lunda do qual foi o primeiro governador. Publicou uma série de livros onde divulgou a geografia e as culturas das comunidades da região do Lunda.

Na sua carreira militar, alcançou o posto de coronel.

Outras informações

Embora Dias de Carvalho não tenha terminado o curso de engenharia, desempenhou funções de engenheiro, de arquitecto e desenhador em várias direcções das Obras Públicas[3].

Obras

Obra construída:

- Hospital Militar de S. Januário, Macau, 1867-1873.

- Quartel da guarda municipal no Convento de S. Domingos, Macau, 1867-1873.

- Hospital Militar e Civil de São José, São Tomé, São Tomé e Príncipe, 1873-1876.

- Igreja de Nossa Senhora da Conceição (reedificação), São Tomé, São Tomé e Príncipe, 1875.


Obra impressa:

- O Lubuco: algumas observações sobre o livro do Sr. Latrobe Bateman intitulado The first ascent of the Kasaï, 1889.

- L'influence de la civilisation et de la colonisation latine et surtout portugaise en Afrique, 1889.

- Ethnographia e história tradicional dos povos da Lunda, 1890.

- A Lunda ou os estados do Muatiânvua: dominios da soberania de Portugal, 1890.

- Methodo pratico para fallar a lingua da Lunda contendo narrações historicas dos diversos povos, 1890.

- Descripção da viagem à Mussumba do Muatiânvua, 1890-1894.

- Expedição portugueza ao Muatiânvua: metereologia, climatologia e colonização: estudos sobre a região percorrida pela expedição comparados com os dos benemeritos exploradores Capello e Ivens e de outros observadores nacionaes e estrangeiros: metodo practico de fazer colonisar com vantagem as terras de Angola, 1892.

- Lunda portugueza: situação actual, impreterivel necessidade da sua occupação, 1895.

- O jagado de Cassange na Provincia de Angola, 1898.

Notas

  1. Arquivo Histórico Militar, Livro dos mestres, Arma de infantaria, Regimento de Infantaria nº1, Livro nº 50 - Livro de Matrícula do Pessoal, Registo dos Oficiais e Indivíduos com a graduação de Oficial, Regimento de Infantaria nº 1, 1842 a 1890. "Henrique Augusto Dias de Carvalho, nº93".
  2. Arquivo Histórico Militar, Lista dos Alunos das Escolas Militares - Academia de Fortificação, Escola do Exército, Escola de Guerra e Escola Militar (1790 a 1940), liv. nº 5, fl. 345, mç. 16, proc. 1531. "Henrique Augusto Dias de Carvalho".
  3. 3,0 3,1 3,2 3,3 Carvalho, Henrique de Carvalho: uma vida ao serviço da pátria, 49-50.
  4. Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 82, p. 3, mç. 1, fl. 120-152. “Planos e orçamentos das obras em construção n’esta ilha (...)", 26 de Julho de 1876.
  5. Arquivo Histórico Ultramarino, São Tomé e Príncipe, Obras Públicas, Processos Individuais, cx. 758/1, 1D MU, 1884-1932. "José Pereira de Senna", 20 de Novembro de 1876.
  6. Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 82, p. 3, mç.1, fl. 212. 16 de Dezembro de 1876.
  7. Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 75, p. 1, fl. 40-68. “Na presente memoria descritiva que acompanha o mapa demonstrativo (...), 24 de Abril de 1875.
  8. Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 75, p. 1, fl. 40-68. "Entendo fazer acompanhar este relatorio do croquis que serviu aos estudos preparatorios (...)", 2 de Outubro de 1875.
  9. Carvalho, Expedição portugueza ao Muatiânvua.

Fontes

Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 75, p. 1, fl. 40-68. "Entendo fazer acompanhar este relatorio do croquis que serviu aos estudos preparatorios (...)", 2 de Outubro de 1875.

Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 75, p. 1, fl. 40-68. “Na presente memoria descritiva que acompanha o mapa demonstrativo (...), 24 de Abril de 1875.

Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 82, p. 3, mç. 1, fl. 120-152. “Planos e orçamentos das obras em construção n’esta ilha (...)", 26 de Julho de 1876.

Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 82, p. 3, mç.1, fl. 171. 1876.

Arquivo Histórico de São Tomé e Príncipe, Arquivo da Secretaria Geral do Governo, cx. 82, p. 3, mç.1, fl. 212. 16 de Dezembro de 1876.

Arquivo Histórico Militar, Lista dos Alunos das Escolas Militares - Academia de Fortificação, Escola do Exército, Escola de Guerra e Escola Militar (1790 a 1940), liv. nº 5, fl. 345, mç. 16, proc. 1531. "Henrique Augusto Dias de Carvalho".

Arquivo Histórico Militar, Livro dos mestres, Arma de infantaria, Regimento de Infantaria nº1, Livro nº 50 - Livro de Matrícula do Pessoal, Registo dos Oficiais e Indivíduos com a graduação de Oficial, Regimento de Infantaria nº 1, 1842 a 1890. "Henrique Augusto Dias de Carvalho, nº93".

Arquivo Histórico Ultramarino, São Tomé e Príncipe, Obras Públicas, Processos Individuais, cx. 758/1, 1D MU, 1884-1932. "José Pereira de Senna", 20 de Novembro de 1876.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. A Lunda ou os estados do Muatiânvua: dominios da soberania de Portugal. Lisboa: Adolpho, Modesto, 1890.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. Descripção da viagem à Mussumba do Muatiânvua, 4 v. Lisboa: Imprensa Nacional, 1890-1894.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. Ethnographia e história tradicional dos povos da Lunda. Lisboa: Imprensa Nacional, 1890.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. Expedição portugueza ao Muatiânvua: metereologia, climatologia e colonização: estudos sobre a região percorrida pela expedição comparados com os dos benemeritos exploradores Capello e Ivens e de outros observadores nacionaes e estrangeiros: metodo practico de fazer colonisar com vantagem as terras de Angola. Lisboa: Typ. do Jornal As Colonias Portuguezas, 1892.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. L'influence de la civilisation et de la colonisation latine et surtout portugaise en Afrique. Lisboa: Imp. Franco-Portugaise, 1889.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. Lunda portugueza: situação actual, impreterivel necessidade da sua occupação. Lisboa: Comp. Geral Typ. Ed., 1895.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. Methodo pratico para fallar a lingua da Lunda contendo narrações historicas dos diversos povos, vol. 7. Lisboa: Imprensa Nacional, 1890.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. O jagado de Cassange na Provincia de Angola. Lisboa: Typ. de Cristovão Augusto Rodrigues, 1898.

Carvalho, Henrique Augusto Dias de. O Lubuco: algumas observações sobre o livro do Sr. Latrobe Bateman intitulado The first ascent of the Kasaï. Lisboa: Imprensa Nacional, 1889.

Sociedade de Geografia de Lisboa. Memórias de Um Explorador: A Colecção Henrique de Carvalho Da Sociedade de Geografia de Lisboa [Catálogo da exposição]. Lisboa: Sociedade de Geografia de Lisboa, 2012.

Bibliografia

Carvalho, João Augusto de Noronha Dias de. Henrique de Carvalho: uma vida ao serviço da pátria. Lisboa: Serviços Gráficos da Liga dos Combatentes, 1975.

Pélissier, René. História de Moçambique: Formação e Oposição 1854-1918, 1:139-140. Lisboa: Estampa, 1994.

Sá, José d' Almeida Corrêa de Sá (Marquês de Lavradio). Henrique Augusto Dias de Carvalho. Lisboa: Agência Geral das Colónias, 1935.

Ligações Externas

Arquivo Histórico Ultramarino, Obras Públicas 1830-1981, OP15179 - 12/ANG, lv. 1154. "Expedição portuguesa ao Muatiânvua. Diário do ano de 1887. Livro nº 1".

Berose - Encyclopédie internationale des histoires de l’anthropologie, "Carvalho, Henrique de (1843-1909)".

Harvard University Herbaria & Libraries, Index of Botanists, "Carvalho, Henrique Augusto Dias de".

Open Library, Internet Archive, "Henrique Augusto Dias de Carvalho. 1843-1909".

Pinto, Helena Gonçalves. "Hospital Militar de S. Januário". Arquitecturas da Saúde.

Puga, Rogério Miguel. "Carvalho, Henrique Augusto Dias de (1843-1909)". E-Dicionário de Escrita de Viagens Portuguesa.

Autor(es) do artigo

Mafalda Pacheco

CHAM - Centro de Humanidades, FCSH, Universidade Nova de Lisboa

https://orcid.org/0000-0002-1091-6325

Financiamento

Fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do projeto TechNetEMPIRE | Redes técnico-científicas na formação do ambiente construído no Império português (1647-1871) PTDC/ART-DAQ/31959/2017

DOI

https://doi.org/10.34619/arm6-dvzb

Citar este artigo

Pacheco, Mafalda. "Henrique Dias de Carvalho", in eViterbo. Lisboa: CHAM - Centro de Humanidades, FCSH, Universidade Nova de Lisboa, 2022. (última modificação: 16/02/2024). Consultado a 27 de maio de 2024, em https://eviterbo.fcsh.unl.pt/wiki/Henrique_Dias_de_Carvalho. DOI: https://doi.org/10.34619/arm6-dvzb